dd/mm/aaaa



Cartola, o mundo é um moinho

Foto por Aline Aquino

Nos dias 29 e 30 de julho, a Sala Principal do Teatro Castro Alves se transformará na avenida pela qual passará o musical “Cartola, o Mundo é um Moinho”, que já desfilou por São Paulo e Rio de Janeiro e faz agora turnê nacional. Dezoito atores e oito músicos fazem evoluções em cena para contar a história daquele que é considerado o maior sambista brasileiro de todos os tempos. “Cartola, o Mundo é um Moinho” passeia por fatos marcantes da vida do mestre Cartola, entremeados por suas belas canções e composições e abordando os conflitos do cotidiano da construção de um desfile de carnaval. E, claro, mergulha fundo no coração do sambista, ao falar da paixão de Cartola pela Mangueira e pelo amor à sua eterna companheira, Dona Zica.

Idealizado pelo ator e produtor Jô Santana, com dramaturgia de Artur Xexéo, direção e encenação de Roberto Lage, o musical tem pesquisa de Nilcemar Nogueira, neta de Cartola e secretária de Cultura do Rio de Janeiro, e direção musical de Rildo Hora. No papel principal, como Cartola, o ator Flávio Bauraqui. “Cartola – O Mundo é um Moinho” é apresentado pelo Ministério da Cultura e a Rede, com apoio do Museu do Samba e patrocínio da Rede e Renner, Transportadora oficial Avianca e promoção da Rede Globo.

O espetáculo conta a trajetória deste que é fundador de uma das mais antigas e certamente a mais popular Escola de Samba, A G.R.E.S. Estação Primeira de Mangueira. A trama se desenha em meio a um universo familiar para Cartola: dentro de uma escola de samba que desenvolve justamente o cantor e compositor como enredo. O carnavalesco da escola sugere o tema para os componentes da agremiação. A partir daí, inicia-se uma deliciosa e rica história que passeia por fatos marcantes da vida do mestre, temperado por suas belas canções e composições e abordando os conflitos do cotidiano da construção de um desfile de carnaval.

Naturalmente, o musical também chega ao coração do sambista, ao falar da paixão pela Mangueira e por Dona Zica, com quem foi casado e dividiu sua vida por 26 anos. Arlindo Cruz, em parceria com Igor Legal, compôs, com exclusividade, o samba-enredo “Mestre Cartola”, que encerra o espetáculo.

 

SERVIÇO

Cartola, o Mundo é um Moinho

Quando: 29 de julho (sábado), 20h; 30 de julho (domingo), 19h

Onde: Sala Principal do Teatro Castro Alves

Quanto: 

R$ 100 (inteira) e R$ 50 (meia), das filas A a P

R$ 80 (inteira) e R$ 40 (meia), das filas Q a Z6

R$ 60 (inteira) e R$ 30 (meia), das filas Z7 a Z11

Desconto: 40% sobre o valor de inteira para assinantes do Clube Correio

Classificação: 12 anos

Realização: Selma Santos Produções

 

VENDAS

Os ingressos para o espetáculo podem ser adquiridos na bilheteria do Teatro Castro Alves, nos SACs do Shopping Barra e do Shopping Bela Vista ou pelo site www.ingressorapido.com.br.

 

MEIA ENTRADA

A concessão da meia-entrada é assegurada em 40% do total dos ingressos disponíveis para o evento.

Estejam atentos! O Teatro Castro Alves cumpre a Lei Federal 12.933 de 29/12/2013, que determina que a comprovação do benefício de meia-entrada é obrigatória para aqueles que gozam deste direito. Estudantes devem apresentar a Carteira de Identificação Estudantil (CIE), não sendo aceitos outros documentos.

Data: 29/07/2017 a 30/07/2017

Teatro Castro Alves - Praça Dois de Julho,s/n, Campo Grande, CEP 40080-121 - Salvador - Bahia - Brasil Telefone: (71) 4000-1139