dd/mm/aaaa



Tributo a Ederaldo Gentil

Artistas da nova geração da música baiana e brasileira prestam homenagem à obra do músico baiano Ederaldo Gentil, com apresentação no dia 20 de março, às 20h, no Teatro Castro Alves. O projeto Acervo Ederaldo Gentil faz um show tributo ao artista, falecido em 2012, autor de clássicos como “O Ouro e a Madeira”, “Rose”, “De Menor”, “Luandê”, entre muitas outras pérolas finas do seu repertório. O espetáculo contará com a banda BaianaSystem, o pianista e cantor Zé Manoel, além das cantoras Larissa Luz e Josyara, interpretando as canções de Ederaldo.

“A grade escolhida para este tributo tem fatores bem importantes: primeiro que se tratam de três artistas da nova geração baiana, que estão com reconhecimento nacional, e essa revelação da música pernambucana que é o Zé Manoel. A ideia é justamente fazer com que as músicas de Ederaldo, que são muito atuais, ganhem voz nesses grupos e artistas contemporâneos. A obra de Ederaldo merece ser mais conhecida pela turma mais nova, para saberem que as músicas de Ederaldo são atemporais. Ederaldo, além de ser um mestre do samba, ele é, acima de tudo, um mestre da canção. E as músicas dele cabem em qualquer formato. Além disso, me orgulha bastante que todo o tributo esteja formado por cantores negros”, explica o músico e sobrinho de Ederaldo, Luisão Pereira, que também é o coordenador geral e diretor artístico do show e do Acervo Ederaldo Gentil.

Luisão também irá comandar a banda de apoio que fará parte da apresentação, que conta com os músicos Ênio Nogueira (violão, cavaquinho e guitarra), Aline Falcão (teclados), Ícaro Sá (percussão e eletronicos) e Luisinho doGêge (percussão), além do próprio Luisão Pereira (contrabaixo e sintetizadores).

O show no TCA faz parte de uma série de ações do Acervo Ederaldo Gentil, projeto com patrocínio do Natura Musical e do Fazcultura, do Governo da Bahia, que, além desta apresentação especial, conta com um site (www.ederaldogentil.com.br) destinado à música e à vida do artista, com toda sua obra disponível para audição, além de muitos materiais sobre a carreira de Ederaldo. O Acervo Ederaldo Gentil ainda registrou, de forma inédita no formato CD, um box com os três álbuns lançados por Ederaldo em vida, além de contar com um disco de raridades, com canções não lançadas em seus álbuns e também faixas inéditas.

 

SERVIÇO

Acervo Ederaldo Gentil

Quando: 20 de março (terça-feira), 20h

Onde: Sala Principal do Teatro Castro Alves

Quanto: R$ 20 (inteira) e R$ 10 (meia), das filas A a Z11

Classificação: Livre

 

VENDAS

Os ingressos para o espetáculo podem ser adquiridos na bilheteria do Teatro Castro Alves, nos SACs do Shopping Barra e do Shopping Bela Vista ou pelo site www.ingressorapido.com.br.

 

MEIA ENTRADA

A concessão da meia-entrada é assegurada em 40% do total dos ingressos disponíveis para o evento.

Estejam atentos! O Teatro Castro Alves cumpre a Lei Federal 12.933 de 29/12/2013, que determina que a comprovação do benefício de meia-entrada é obrigatória para aqueles que gozam deste direito. Estudantes devem apresentar a Carteira de Identificação Estudantil (CIE), não sendo aceitos outros documentos.

 

Data: 20/03/2018

Teatro Castro Alves - Praça Dois de Julho,s/n, Campo Grande, CEP 40080-121 - Salvador - Bahia - Brasil Telefone: (71) 3003-0595