dd/mm/aaaa



Zeca Pagodinho – Uma história de amor ao samba

[Foto por Victoria Dannemann]

Completando sua 19ª edição em 2018, o projeto Catálogo Brasileiro de Teatro, realizado pela Fred Soares Produções, abre sua programação do ano com um dos espetáculos mais aplaudidos da temporada passada no Rio de Janeiro: o musical “Zeca Pagodinho – Uma história de amor ao samba”, que se apresenta nos dias 17 e 18 de março no Teatro Castro Alves.

O nome de batismo é Jessé Gomes da Silva Filho, mas o grande público o conhece mesmo como Zeca Pagodinho. Artista consagrado, que alcançou o sucesso sem perder suas origens. É o Zeca do subúrbio, de Xerém, dos amigos, do palco e das canções que todo brasileiro sabe um refrão. Essa é a história real de um homem que se apaixonou pelo samba ainda criança e, desde então, vive um caso de amor com a música.

“Zeca Pagodinho – Uma história de amor ao samba” retrata a vida do cantor em dois atos. No primeiro, o público conhecerá os momentos que construíram o sólido caráter do nosso herói suburbano, que nunca deixou de ser um homem do povo. Caberá a Peter Brandão dar vida ao protagonista Jessé nessa fase. No segundo momento, o espetáculo retrata o encontro do artista com a fama e sua popularidade. O ator e diretor Gustavo Gasparani assume o papel de Zeca em sua fase madura.

A trilha sonora é destaque na construção da obra, compartilhando com nosso herói o protagonismo dessa história. Samba e narrativa se misturam nessa homenagem a Jessé. As canções evocam sua criação no subúrbio e potencializam o jeito carioca de ser, uma assinatura de Zeca Pagodinho e um jeito único de deixar a vida nos levar. Quatro músicos e um regente se unem aos 13 atores do elenco para juntos contarem, em texto e canção, a trajetória desse homem apaixonado pelo samba.

A dramaturgia recorre ao Teatro de Revista para narrar essa trajetória de sucesso e parceria com o público ao longo de mais de três décadas. Irreverência e bom humor marcam a narrativa, características que não poderiam faltar ao retratar o nosso herói suburbano. Com toda a liberdade que o teatro permite, a poesia também está presente no espetáculo. A peça inicia com Jessé embarcando no trem do samba rumo à “Estação Sucesso”. Essa é uma viagem sem paradas e que fará o espectador perder o fôlego, se emocionar e querer cantar.

Texto, roteiro e direção geral – Grande admirador de Zeca Pagodinho, Gustavo Gasparani escreve, dirige e é um dos protagonistas do espetáculo. Com 35 anos de carreira, dois livros publicados e diversos prêmios no currículo, Gasparani já participou de mais de 45 montagens e fundou uma das companhias de teatro mais importantes do país – a Cia dos Atores. Na televisão, participou de novelas e séries de destaque na Rede Globo: “Cheias de Charme”, “Geração Brasil”, “Sitio do Pica-Pau Amarelo”, “Dalva e Herivelto”, “Anos Rebeldes”, “A Grande Família” e “Casos e Acasos” são alguns exemplos. Seus últimos trabalhos no teatro foram nos musicais “SAMBRA – 100 anos de samba”, com Diogo Nogueira e grande elenco, “Gilberto Gil, Aquele Abraço – O Musical”, e “Bem Sertanejo – O Musical”, com Michel Teló.

“Zeca Pagodinho – Uma história de amor ao samba” abre a programação da 19ª edição do projeto Catálogo Brasileiro de Teatro, realizado pela Fred Soares Produções com patrocínio da Lojas Renner, Cielo e Shopping da Bahia, e patrocínio nacional da Sul América, através da Lei Rouanet de Incentivo a Cultura, promovendo a formação de plateia e estimulando a cultura das artes cênicas em Salvador, além de workshops e debates que promovem maior acessibilidade, reflexão e intercâmbio para a cidade, sendo considerando o maior projeto de circulação teatral do país.

 

CATÁLOGO BRASILEIRO DE TEATRO | 19ª EDIÇÃO

Zeca Pagodinho – Uma história de amor ao samba

Texto, roteiro musical e direção geral: Gustavo Gasparani

Direção musical e arranjos: João Callado

Elenco: Ana Velloso, Beatriz Rabello, Bruno Quixotte, Douglas Vergueiro, Édio Nunes, Gustavo Gasparani, Lilian Walesca, Lucianna Vieira, Milton Filho, Peter Brandão, Psé Diminuta, Ricardo Souzedo e Wladimir Pinheiro

Músicos: Glauber Seixas, Naná Simões, Rodrigo Jesus e Rodrigo Reveles

Regente: João Callado

 

SERVIÇO

Zeca Pagodinho – Uma história de amor ao samba

Quando:

17 de março (sábado), 21h

18 de março (domingo), 19h

Onde: Sala Principal do Teatro Castro Alves

Quanto: 

R$ 140 (inteira) e R$ 70 (meia), das filas A a P

R$ 120 (inteira) e R$ 60 (meia), das filas Q a Z3

R$ 80 (inteira) e R$ 40 (meia), das filas Z4 a Z8

R$ 50 (inteira) e R$ 25 (meia), das filas Z9 a Z11

 

VENDAS

Os ingressos para o espetáculo podem ser adquiridos na bilheteria do Teatro Castro Alves, nos SACs do Shopping Barra e do Shopping Bela Vista ou pelos canais da Ingresso Rápido (www.ingressorapido.com.br).

 

MEIA ENTRADA

A concessão da meia-entrada é assegurada em 40% do total dos ingressos disponíveis para o evento.

Estejam atentos! O Teatro Castro Alves cumpre a Lei Federal 12.933 de 29/12/2013, que determina que a comprovação do benefício de meia-entrada é obrigatória para aqueles que gozam deste direito. Estudantes devem apresentar a Carteira de Identificação Estudantil (CIE), não sendo aceitos outros documentos.

Data: 17/03/2018 a 18/03/2018

Teatro Castro Alves - Praça Dois de Julho,s/n, Campo Grande, CEP 40080-121 - Salvador - Bahia - Brasil Telefone: (71) 3003-0595