Informativo TCA

Assine o Newsletter e receba informações no seu e-mail sobre o TCA


dd/mm/aaaa




História

A Orquestra Sinfônica da Bahia, criada em 30 de Setembro de 1982, é uma companhia estadual que integra os corpos artísticos do Teatro Castro Alves. Em sua trajetória, a OSBA esteve sob a regência de conceituados maestros, como Christopher Warren-Green, John Neschling, Isaac Karabtchevsky, Alex Klein e Olivier Cuendet e Ricardo Castro. A partir de 2011, o maestro Carlos Prazeres assumiu o posto de curador artístico e regente titular da OSBA.

A OSBA acumula em seu currículo concertos nos quais acompanhou grandes nomes da música clássica, como Luciano Pavarotti, Montserrat Caballé e Milla Edelman. Destacam-se ainda as apresentações ao lado do Ballet Kirov, Ballet Bolshoi (Rússia) e Ballet da Cidade de Nova York, além da participação na montagem de várias óperas.

A Gestão Atual:

Desde 2011, sob a curadoria artística do maestro Carlos Prazeres, a Orquestra Sinfônica da Bahia vem redefinindo seu papel na sociedade, buscando criar concertos e programas que tragam um novo olhar do público baiano para a música erudita.

As primeiras ações do maestro tiveram o objetivo de inserir a OSBA no contexto cultural da sociedade baiana, criando vínculos entre a Orquestra e a cultura do estado. Para tanto, idealizou uma programação anual, dividida em séries de concertos, com o nome de importantes personalidades, artísticas da Bahia, que através de seu trabalho difundiram o nome e a cultura do Estado para todo o mundo. Assim surgiram as Séries Jorge Amado, Carybé, Manuel Inácio da Costa e Glauber Rocha. Desde meados de 2016, as séries foram substituídas pelo selo VIVAOSBA, que assina todos os concertos e atividades da Orquestra, traduzindo e ao mesmo tempo fortalecendo a imagem da OSBA com o seu público, que pode seguir ou compartilhar usando #vivaOSBA as imagens e textos de cada publicação sobre a Orquestra na internet. 

A Orquestra Sinfônica da Bahia vem desenvolvendo uma série de projetos especiais que têm aproximado o público da música de concerto, como o Sarau OSBANOMAM, que une música e poesia no Museu de Arte Moderna da Bahia; o BAILECONCERTO, proposta que leva a Orquestra a vivenciar a tradição dos antigos carnavais; o SELFCONCERTO, que dá destaque a composições de membros e colaboradores da OSBA; e o CINECONCERTO, um dos maiores sucessos empreendidos pela OSBA, que leva o público a acompanhar a trilha sonora de clássicos do cinema, que são verdadeiras obras de música de concerto, e ainda se divertir com os músicos da Orquestra vestidos de personagens de diferentes filmes. Em 2016 a OSBA lançou também o OSBACURI, no Dia da Criança, com Feirinha de Experimentação de Instrumentos, Composição e Regência, seguida de Concerto Especial da OSBA. Foi dado início também às VIAGENS SINFÔNICAS, palestras com o maestro Carlos Prazeres numa visita guiada ao universo da música clássica, com audição de gravações de peças de diferentes épocas e estilos. 

Teatro Castro Alves - Praça Dois de Julho,s/n, Campo Grande, CEP 40080-121 - Salvador - Bahia - Brasil Telefone: (71) 3003-0595